A Clínica

10/02/2016
Audição
 

A audição é uma habilidade sensorial única que capacita o indivíduo a perceber os sons, sendo muito importante para o desenvolvimento da fala.
No quinto mês de gestação, a orelha, já esta formada e a partir desse momento inicia-se a percepção dos sons.
Após o nascimento, o bebê começa a prestar atenção aos sons que estão a sua volta e a perda ou diminuição da audição pode causar dificuldades no seu desenvolvimento até a vida adulta.
Por volta de 0-6 meses o bebê assusta com sons intensos, emite vários tipos de sons; 3-6 meses procura os sons, emite sons que são reforçados; 6-9 meses olha para o objeto quando fala neles, usa a voz para chamar a atenção e emite diferentes sons; 9-12 meses olha para os objetos, compreende ordens simples, utiliza-se da fala, com mudanças de entonação; 1-2 anos aponta partes do corpo, traz objetos quando solicitado, repete palavras, emite frases com 2 palavras; 2-3 anos seleciona os objetos por tamanho, responde perguntas, relata frases com 5 palavras; 3-4 anos compreende perguntas e oposições, conta até dez, fala sobre figuras em livros e desenhos e em torno dos 4-5 anos realiza ordens complexas, emite corretamente todos os sons e usa sentenças completas.

Algumas causas da surdez podem ocorrer na gestação, antes e após o nascimento e na vida adulta como o uso de medicações ototóxicas, rubéola materna, desnutrição materna, hereditariedade, prematuridade, intercorrências no parto, infecções de ouvido, doenças como meningite, sarampo, caxumba, exposição a ruídos intensos entre outros fatores.
A história familiar de perda auditiva, não reação aos sons, infecções constantes de ouvido, dificuldade para escutar; falar muito alto ou gritando, assistir TV ou escutar música com volume muito alto, dificuldade de ouvir ao telefone, presença de zumbidos e tonturas, distração e a desatenção são alguns dos sinais que a audição pode estar comprometida.
A surdez dificulta a comunicação impedindo o estabelecimento das relações entre os sons, o desenvolvimento da função auditiva e a aquisição da linguagem, sendo dessa forma o diagnóstico precoce importante para evitar o distúrbio de linguagem, do desenvolvimento intelectual e problemas psicoafetivos.

Ms. Camila Paes Horacio - Fonoaudióloga Clínica fgacamila@hotmail.com



fechar



28/06 (sábado)
Constelação Familiar - Workshop Vivencial

28/04/2014
“MOMENTOS DE TRANSIÇÃO”

“MOMENTOS DE TRANSIÇÃO” EM GRUPO
Casar, descasar, mudar de profissão, de cidade, de país, ser mãe/pai, virar gente grande, envelhecer e outras tantas coisas podem ser vividas como “Momentos de transição”. 
Momentos assim nos desconcertam, abalam o que parecia seguro e nos colocam diante de nós de forma incômoda, dolorosa.
Podemos passar por eles sem percebermos as questões que se abrem: quem sou eu agora, o que desejo, como posso construir meu caminho? 
Para respondê-las não há manual. Mas podemos ouvir estes momentos: escutar o que eles nos pedem e com isso abrir possibilidades para o futuro.

Experienciar nossos “Momentos de transição” em grupo?

O grupo é um espaço para viver essa transição junto a outros e com isso nos sentirmos menos solitários.
Nele é possível dar testemunho à nossa existência e às questões que se colocam nestes momentos. Estar em grupo é dar tempo e lugar para expressar o que nos aflige, compreendendo e iluminando novas perspectivas. 
Ele é espaço de trégua para ouvir o que esses momentos têm a dizer.

Coordenação: Vania Bartalini (CRP 06/17440)
                         Egle Gatta (CRP 06/108755)
                         Alexandre Yamaguti (CRP 06/113086)

Supervisão geral: Ari Rehfeld – Fenô&Grupos

Duração: 6 encontros – 1 vez por semana – 1 hora e meia cada encontro – Horário: 2as feiras, das 10:30 às 12:00 hs

Local: Rua Fabrício Vampré, 146 – ao lado do Metrô Ana Rosa

Investimento total: R$ 540,00 (possibilidade de parcelamento)

Contatos: clinica@fenoegrupos.com – fone: (11) 99242-1587 (com Vania)

www.fenoegrupos.com

fechar


10/03/2014
Encontro sobre Pedagogia Sistêmica

22/11/2012
Cura Reconectiva
 Isto é novo. Isto é Diferente. Isto é Real.

A Cura Reconectiva, iniciada pelo doutor em quiroprática Eric Pearl nos Estados Unidos há quase 20 anos, começa a ganhar visibilidade no Brasil. A prática consiste em promover o contato das pessoas que buscam a cura para problemas físicos, mentais ou emocionais com “frequências eletromagnéticas, compostas de luz, informação e energia”.
   
 “Quando entramos em harmonia com estas frequências, nosso organismo as incorpora e volta ao seu estado de equilíbrio natural. Qualquer pessoa pode se beneficiar da Cura Reconectiva. Não é privilégio de ninguém. O nosso papel, como profissionais, é de abrir as portas para esta conexão. Não somos os responsáveis pela cura”, diz Pearl.

Segundo ele, estas frequências são produzidas naturalmente pelo universo desde os tempos ancestrais. Daí a “reconexão”. Para os praticantes, a Cura Reconectiva não é uma terapia, pois não são feitos diagnósticos nem indicações de tratamento. Cada pessoa passa, no máximo, por três sessões, que podem ser repetidas se o cliente desejar.

O atendimento é presencial ou à distância. No primeiro caso, o profissional habilitado geralmente se movimenta ao redor do cliente, que fica deitado numa maca, e manipula sutilmente correntes de energia invisíveis acima do seu corpo. Em geral, não há contato, nem posturas específicas.  A sessão dura cerca de 30 minutos. Para o atendimento à distância, marca-se um horário para que o praticante e o cliente entrem em contato com as frequências eletromagnéticas.

  • Descrição: Divulgação

O profissional habilitado  se movimenta ao redor do cliente que fica deitado numa maca.
Segundo os relatos de Pearl, as pessoas apresentam sensações e reações diversas durante a sessão: frio, calor, movimentos involuntários de mãos, pernas e olhos, relaxamento profundo e até a visão de anjos. O quiroprático cita casos de cura de problemas crônicos de coluna, fadiga crônica e até mesmo de câncer, entre vários outros.·.
A cura é para a causa do problema e não para o sintoma. “Portanto, se a pessoa chega com dor de cabeça, não sabemos que resultado ela terá. Se o problema do indivíduo é aprender a amar, a cura se dirigirá para isso.” Pearl reforça: “A cura tende a ser instantânea e durar a vida toda”. Entretanto, ressalvam que o cliente não deve abandonar os tratamentos médicos convencionai.
Pearl detalha a técnica: consiste em reconectar as chamadas linhas axiatonais (sistema paralelo ao dos meridianos da acupuntura e ao sistema tridimensional circulatório) aos meridianos da malha energética do planeta e do Universo.  

A Cura Reconectiva tem sido tema de estudos e experimentos de vários pesquisadores. Um deles, Gary Schwartz, professor de psicologia, medicina, neurologia e psiquiatria da Universidade do Arizona, afirma que a energia da Cura Reconectiva é “real, detectável e mensurável”.

Pearl conta que os pesquisadores alemães Fritz Albert Popp e Alexander Popp constataram o aumento do processamento de informações do cérebro dos praticantes, medido durante o sono, o período em que estão acordados e durante o atendimento a clientes. Os praticantes devem ser habilitados pelos seminários da sua empresa, The Reconnection LLC, realizados em mais de 60 países. Hoje, há cerca de 70 mil profissionais no mundo.

DESCUBRA O QUE ESTÁ AGITANDO A COMUNIDADE MÉDICA

Vera L P Maldonado – Profissional habilitado para prática da Conexão de Cura e Reconexão.



fechar



31/08/2012
Fibras
                                                      

Que as fibras fazem bem a saúde já se fala a bastante tempo, agora o motivo que muitos atribuem pode estar equivocado. As fibras não participam diretamente no processo digestivo, ou seja, não tem indicação para ajudar na digestão como se fala; a sua função está ligada ao estimulo dado no trânsito intestinal e retirar algumas toxinas, limpando os intestinos, melhorando assim o mal estar provocado pela prisão de ventre.
Temos 2 tipos de  fibra: a solúvel e a insolúvel.
Aveia, feijão, lentilha e frutas são tipos de fibras solúveis que ao se ligarem a molécula de água forma uma espécie de gel, que ajuda na diminuição da absorção de gorduras nocivas, como o colesterol; outra função é fazer com que os carboidratos (pães, massas em geral) sejam absorvidos mais lentamente, diminuindo os picos de glicose ajudando assim a controlar a diabetes.

Pão integral, farelos, grãos, verduras, legumes e cereais são do tipo insolúvel, portanto não se dilui em líquidos.

Devemos estar atentos a quantidade diária recomendada, pois o excesso pode alterar o funcionamento dos intestinos causando diarréias, gases e prisão de ventre, além de levar junto com as toxinas minerais importantes para o nosso corpo como o cálcio,ferro,zinco .

Abaixo a tabela dos alimentos mais utilizados.  A recomendação diária fica entre 25 a 35 gramas.

Farelo de Trigo.............47g                                 Brócolis.....................2,86g
Flocos de aveia............6,4g                              Berinjela.....................2,51g
Pão de Centeio..........5,24g                           
Couve-flor.................2,05g
Pão Integral...............5,03g                            Mandioca...................1,80g
Pão Francês................ 3,2g                             Cenoura.....................1,54g
Milho Verde.................2,88g
Arroz Integral..............1,50g

*Quantidade de fibras em 100g Fonte Tabela Brasileira de Composição de Alimentos da USP

 

Fonte: Especial: Mitos Alimentares   Editora Abril 2010.

fechar



28/08/2012
Cuidados com alimentos

Não é minha intenção, neste momento, falar sobre o problema do uso indiscriminado dos pesticidas e seus malefícios a nossa saúde, mas, como podemos evitar ou minimizar no dia a dia esse veneno. Hoje já encontramos alimentos orgânicos com relativa facilidade apesar dos preços ainda estarem muito acima do que estamos acostumados (a procura maior diante da preocupação com a nossa saúde e da nossa família mais o incentivo do governo ao pequeno produtor certamente levará o custo a cair no futuro que espero seja breve).
Ao comprarmos alimentos orgânicos devemos ter a preocupação de verificar se o produto possui o selo de qualidade emitido por certificadora reconhecida pelo Ministério da Agricultura.
Em quanto isso podemos nos precaver com atitudes simples:

LAVE ALIMENTOS COM BUCHA. A água remove alguns resíduos superficiais. Com bucha (utilizada só para esse propósito) e detergente, você vai conseguir retirar maior quantidade. Enxague com muita água.
ESCOLHA FRUTAS DA ESTAÇÃO. As que não são da época recebem mais agrotóxicos para durar bastante. Fruta da época possui cheiro característico forte estimulando nossos sentidos.
DESCONFIE DOS PERFEITOS. Quanto menos imperfeições, maior a probabilidade de um alimento ter sido maquiado por agrotóxico.
ALTERNE A DIETA. Comer sempre o mesmo alimento aumenta, entre outros, o risco de comer sempre o mesmo veneno. Morangos, tomates e batatas são especialmente vulneráveis.
DEIXE DE MOLHO NO VINAGRE. Duas colheres de sopa de vinagre para cada litro de agua, por meia hora, ajudam a degradar agrotóxico.

 

Fonte: Especial: Mitos Alimentares   Editora Abril 2010.

fechar



28/08/2012
Baixa Umidade do Ar

Nessa época do ano em que a baixa umidade acarreta incômodo, que geralmente começa com cansaço e dores de cabeça, devemos ficar atentos e bebermos muita água.
As queixas principais são principalmente em crianças e idosos:
Olhos secos ocasionando coceira e a reação natural de esfregar as pálpebras pode levar a lesão devido à secura além da contaminação pelo manuseio das mãos contaminadas.
O nariz pode apresenta sangramento, pois seus pequenos vasos sanguíneos estão ressecados e acabam rompendo, levando a pequenas feridas que se tornam porta de entrada para vírus e bactérias. A falta de lubrificação dos pêlos nasais faz com que sua ação de filtragem do ar seja também comprometida.
A garganta fica irritada apresentando tosse seca. É importante que estejamos com nossas defesas orgânicas em perfeito estado de funcionamento (a acupuntura, entre outras técnicas naturais, é bem vinda para aumentar nossa imunidade) para que não venha surgir agravantes como laringite e faringite, além das crises alérgicas.
A agua é bem vinda em várias formas:
Soro fisiológico para lavar os olhos e hidratar as narinas, ingestão de água para ajudar os rins, que nessa época não conseguem filtrar bem as impurezas já que o corpo reage retendo liquido necessário no processo de filtragem das toxinas; Os rins tem ainda a função de regular a temperatura do corpo, transportar nutrientes e a ajuda a evitar a constipação.
 A baixa umidade no corpo pode ocasionar a formação de cálculos nos rins!
Evite praticar atividades físicas entre as 10h e 16h onde as temperaturas costumam ser mais altas. Temos que economizar água no corpo e não perde-las através do suor.
Evite lugares cheios e onde haja uma grande concentração de poluentes.

Mas o que poucas pessoas sabem é que através dos alimentos podemos também estar ajudando no processo de hidratação: o pepino tem 96% de água, o tomate 95%, repolho 94,7%, chuchu 94,6%, melancia 94%, morango 91,5%, couve 91%, cebola 89%%!
Uma boa salada acompanhada de sucos é uma ótima opção!  Não podemos também esquecer os chás de ervas!

Não espere ter sede para beber água. A sede é um sintoma de desidratação.

                                                       “Água significa vida.
A água é o elemento do nascimento, do crescimento, da purificação, da regeneração e da renovação.”

fechar



18/01/2012
Cores Dançantes

image
Sais coloridos saltando pelos ares ao som da música. Essas são as imagens captadas pelas lentes do fotógrafo suíço Fabian Oefner.
De perto, a série Cores Dançantes mostra uma profusão de cores, cuja dimensão é ampliada pelo ângulo aproximado da câmera.
Para fazer as fotos, Oefner colocou os sais em uma película plástica disposta sobre uma caixa de som. O ritmo da música, cujos estampidos fizeram os grãos voarem pelos ares, deu a forma das imagens.
"As fotos conectam imagem e som", conta o fotógrafo de 27 anos.
"Dependendo da frequência do som, diferentes esculturas são criadas. Desde as delicadas às figuras que parecem um vulcão em erupção", diz.
Oefner conta que usou vários pigmentos para colorir os sais. As fotos foram feitas em um cômodo escuro.
"As esculturas existem por apenas frações de segundo”, diz. “A ideia da série é construir uma ponte entre o mundo acústico e visual", finaliza.

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2012/01/120111_
galeria_cores_musica.shtml?s


fechar



18/01/2012
Clareamento dentário – verdades e mitos.

São muitos os mitos que giram em torno do clareamento dos dentes.
Ao contrário do que muitos pensam, não é necessário esperar que os dentes estejam manchados ou escuros demais para optar por um tratamento clareador.  
Em alguns casos, as manchas podem ser removidas somente com profilaxia.
Mas, a alteração da cor do dente só se consegue com o clareamento.

Não existem tratamento mais ou menos eficaz.
Na verdade, todos os tipos de clareamento seguem o mesmo princípio: a ação de um gel (peróxido de hidrogênio ou carbamida) em diferentes concentrações, que libera oxigênio, e este altera a cor do dente.

O gel não é abrasivo nem enfraquece os dentes.
Quanto maior a sua concentração, mais rápido pode ser o clareamento.

O Clareamento pode ser feito com moldeiras individualizadas, clareamento auto-aplicável, ou por aplicação do gel no consultório, clareamento em consultório.
Ambos precisam ser orientados e realizados por um Cirurgião Dentista.

O clareamento auto-aplicável é feito com gel de 7 a 20% e moldeiras de silicone.
Para apresentar bons resultados, o tratamento auto-aplicável demora pelo menos 15 dias e o uso do gel e da moldeira varia de 1 a 6 horas por dia.


Concentrações acima de 20% só podem ser feitas em consultório (o gel, nestas concentrações, queima as mucosas, por isso elas precisam estar protegidas).
Os tratamentos feitos em consultório exigem pelo menos 3 sessões de cerca de 1h30 a 2 horas e o gel é ativado por uma fonte de luz e calor (LED, Laser ou associação dos dois).

Recomenda-se evitar alimentos pigmentados durante o tratamento. Restaurações e coroas dentárias, não clareiam com o clareamento.
Eles devem ser trocados após o término do tratamento, se prejudicam a estética.
E dentes que possuem canal tratado só clareiam com clareamento interno, que é feito no interior da coroa do dente.

O resultado é subjetivo.
Cada paciente responde ao tratamento de forma diferente. Não é possível prever ou afirmar quantos tons o dente vai clarear. Depende da resposta biológica de cada um.
Mas, na grande maioria dos casos, há um clareamento significativo dos dentes.O efeito do tratamento pode durar de 1 a 3 anos e depende da alimentação de cada um e da presença ou não do fumo.

Brigitte Kammerer

fechar



14/09/2011
Palestra: Essências Florais – um método sutil de cura.

Olá amigos!

No dia 15 de setembro, quinta feira, às 19h30min, será realizada uma palestra com o tema:

Essências Florais – um método sutil de cura  

O que são essências florais?

Terapia Floral, qual sua atuação?

A quem é indicado?


Facilitadora: Vera Maldonado - Naturopata/Acupunturista

Para participar, basta ligar para (11) 2369 5550 e realizar a inscrição.

O custo será de  R$ 20,00 para clientes e R$ 30,00 para não-clientes.

Venha tomar um delicioso chá conosco, onde conversaremos de forma descontraída sobre a atuação dos florais.

Local: Rua Luis França Jr, 132 – Vila Mascote

As vagas são limitadas!

fechar


Parcerias
Localização
Notícias
Contato
Fotos
   
Criação de Sites